baixe nosso aplicativo

“Único nome”: tucano defende união de Cássio, Maranhão, Cartaxo e Ricardo em 2018

Para tucano, a Paraíba precisa de um grande projeto e de homens que tenham compromisso com o estado

Por: Blog do Gordinho

0

icones whats

Dando sequência a linha diplomática que vem adotando à frente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), o presidente Marcos Vinícius (PSDB) defendeu a mais inusitada composição eleitoral para as eleições 2018 na Paraíba. Em entrevista a um programa de rádio nesta terça-feira (14), o tucano disse que o melhor para a Paraíba seria a união dos senadores Cássio Cunha Lima (PSDB) e José Maranhão (PMDB), o prefeito de João Pessoa Luciano Cartaxo (PSD) e o governador Ricardo Coutinho (PSB).

Leia também: “Os amigos dele estão do lado de cá”: tucano acredita na presença de Maranhão no projeto das oposições

Cássio ressalta valor de alianças e engrossa coro por definição de pré-candidaturas até janeiro de 2018

Marcos acredita na continuidade da união das oposições para 2018 e defende que, para a Paraíba avançar, é preciso dar as mãos. “Seria o grande momento do governador Ricardo Coutinho, sentar à mesa com Luciano, Romero, Cássio, Maranhão, enfim, com todas as lideranças e escolher um nome que pudesse, aí sim, a quatro mãos, fazer o melhor para a Paraíba”, disse. “A Paraíba precisa avançar, precisa de projetos, de homens que tenham compromisso e essas lideranças, juntas, podiam fazer com que o Paraíba pudesse ter um único nome nessa disputa agora”, completou

Atualmente, dentro da oposição, embora haja uma predisposição – inclusive dos tucanos – pela candidatura do prefeito Luciano Cartaxo, há ainda outros nomes, como Cássio e Romero Rodrigues (PSDB), prefeito de Campina. O senador José Maranhão também se lançou pré-candidato e, sabiamente,  elevou o passe do PMDB a patamares altíssimos. Enquanto isso, o PSB e partidos governistas adotaram a pré-candidatura do secretário de Estado João Azevedo, homem forte na gestão do governador Ricardo Coutinho.