baixe nosso aplicativo

Deputado defende revisão do custo da máquina pública: ‘Política não pode ser economicamente atrativa’

Peemedebista se mostrou preocupado com a possibilidade de diminuição da representação parlamentar dos municípios

Por: Blog do Gordinho

0

icones whats

O deputado Raniery Paulino (PMDB) não acredita que as mudanças discutidas no Congresso Nacional sobre a reforma política tragam benefícios diretos aos eleitores. O peemedebista se mostrou preocupado com a possibilidade de diminuição da representação parlamentar dos municípios e com a manutenção do custo dos políticos para os cidadãos.

Leia mais: “É a última ‘pá de cal’ no sistema atual”, avalia Cássio Cunha Lima sobre modelo de voto ‘distritão’

“Nós temos que atacar no custo. Temos que fazer com que a atividade política seja minimamente atrativa do ponto de vista econômico. Quem está na política para ganhar dinheiro está no caminho errado”, sugere. Ele ainda pregou uma reflexão sobre a uma revisão do custo da máquina pública e declarou que o voto ‘distritão’ dá uma falsa impressão de democracia. “Talvez distancie ainda mais a sociedade do parlamento”, avalia o parlamentar.

O peemedebista garantiu que sua opinião não tem relação com o desempenho nos pleitos, uma vez que sempre obteve votos suficiente, segundo ele, para figurar entre os mais votados. “Estou defendendo que a renovação política aconteça e ela só acontece com voto proporcional, mas sem a coligação. O que há de pior na política é a coligação”, reforçou.

Raniery defende que seja realizada uma lista dentro dos partidos para ser lançadas nas regiões para que a legenda tente fazer uma vaga, mas reconheceu que o PMDB não tem consenso sobre isso.